Decoração minimalista: como fazer em sua casa ou apartamento

Você já ouviu falar nas decorações minimalistas? Veja neste artigo tudo sobre essa tendência e como implementá-la em sua casa.

O conceito de minimalismo tem se tornado cada vez mais popular. Ele está fortemente vinculado a um estilo de vida simples, em que se elimina os excessos para viver apenas com o essencial. Assim, se esse é o seu estilo de vida, nada melhor que mesclá-lo também à sua casa. A decoração minimalista vem ganhando muito espaço no mundo do design de interiores.

Oriunda de movimentos artísticos do século XX, a palavra “minimalismo” migrou nos últimos anos para o campo social. Reflexo de movimentos contraculturais, como o punk e o hippie, o estilo minimalista questiona os excessos da sociedade de consumo. Na decoração, ele é caracterizado por priorizar a organização, valorizando a beleza de cada um dos móveis com poucos objetos decorativos. Nele o menos é mais e busca dispensar mobiliários que não são indispensáveis e funcionais.

A decoração minimalista rejeita os excessos e busca criar ambientes modernos e clean. Desse modo, esse é o estilo perfeito para quem busca decorar a casa com refinamento e elegância.

A decoração minimalista

Como já dito, o grande princípio da decoração minimalista está em ambientes claros e funcionais. Normalmente, decoradores e arquitetos optam por utilizar peças metálicas ou amadeiradas para compor os ambientes de um imóvel minimalista. Além disso, as cores também são muito importantes para a caracterização desse estilo, sendo muito utilizado o branco e tons pastéis.

A decoração minimalista é uma excelente maneira de organizar a sua casa. Ela é moderna e garante que você tenha à mão somente o necessário. Assim, o primeiro passo é livrar-se dos excessos. Opte por poucos elementos e linhas retas. Em um momento tão conectado como o que vivemos, em que somos bombardeados de informações a todo instante, viver em um ambiente que transmita simplicidade e paz traz muitos benefícios para a saúde, aliviando o estresse.

Como o estilo minimalista requer que se utilize o mínimo possível de objetos, a escolha dos móveis é fundamental.

Os móveis minimalistas

As casas minimalistas são caracterizadas pelos poucos móveis. Assim, a primeira dica antes de adquirir o seu mobiliário é separar tudo o que você tem em sua casa, desde objetos decorativos e livros até roupas. Assim, é possível que você analise o que é essencial em sua vida e o que pode ser doado ou descartado.

As técnicas utilizadas pela especialista em organização Marie Kondo podem ser muito úteis nesse momento. De acordo com a japonesa, o segredo está em categorizar tudo que você tem em casa. Em seguida, é preciso se perguntar “isso me faz feliz?”. De acordo com ela, se a resposta for sim, você deve guardar o objeto e caso seja uma negativa, deve descartá-lo. Assim é possível liberar bastante espaço em sua casa.

Reduzindo o número de coisas que precisam ser armazenadas, a quantidade necessária de móveis também é reduzida. Para compor a sua decoração minimalista opte por móveis bonitos, de boa qualidade e de design clean. Se estiver decorando uma sala de estar, por exemplo, não se concentre em comprar muitas poltronas ou mesas e invista em um grande e moderno sofá.

Os princípios do conceito minimalista

A decoração minimalista se caracteriza pela ausência quase completa de elementos em uma casa. Ela é muito utilizada em apartamentos compactos, já que dão a sensação de amplitude e espaço. Assim é possível dar destaque ao mobiliário e valorizar a comodidade e o conforto.  Desse modo, os ambientes são baseados na ideia de simplicidade. Neles predominam linhas retas e traçados geométricos ao invés de curvas comuns em outras decorações. Para aplicar o estilo minimalista à sua casa é possível seguir alguns passos:

  • Selecionar: Guarda apenas o que é funcional para o ambiente e o que te traz a sensação de bem estar. A dica é descartar aqueles objetos que normalmente ficam à vista, mas não possuem função prática.
  • Limpar: Limpe os móveis, as paredes e elimine os excessos do ambiente. O foco aqui é uma limpeza total.
  • Planejar: Tire as medidas do ambiente, defina o volume de itens que precisam ser guardados e eleja um espaço para cada coisa. Você pode utilizar produtos de otimização de espaço, aproveitando todo o espaço interno da mobília como caixas organizadoras, por exemplo.
  • Organizar: Esse é o momento para colocar todas as coisas em seu lugar específico. Dê preferência para uma organização que permita acesso fácil aos objetos
  • Decorar: Após tornar o ambiente mais funcional possível é a hora de decorar. Assim, invista em poucos objetos decorativos como espelhos, quadros e vasos de planta. Lembre-se, já que o ambiente possui poucos objetos, eles precisam brilhar.

As cores e o conceito minimalista

As cores são elementos muito importantes para uma decoração minimalista. Quando pensamos nesse conceito nos vem à cabeça tons com base neutra, cinza, bege e branco. A escolha dessas cores facilita muito o seu processo, já que é mais fácil utilizar outros itens decorativos no ambiente. Além disso, elas criam a sensação de um ambiente mais amplo e organizado.

Contudo, é possível aderir às decorações minimalistas e ainda assim dar um toque de cor à sua casa. Procure inserir tons mais fortes em pequenos detalhes como almofadas e objetos de decoração com luminárias. Mas lembre-se, nada de excessos.

Como montar um quarto minimalista

Algumas pessoas podem encontrar dificuldades em decorar um quarto minimalista. Isso porque, esse cômodo costuma ser onde acumulamos a maior parte de nossas bagunças. Contudo, escolhendo as peças certas é possível tornar esse ambiente o mais clean possível. Afinal, o quarto é o lugar da casa que mais precisa ser tranquilo e aconchegante.

As cores

Você pode começar a montar o seu quarto minimalista pelas cores. Opte pelas mais sóbrias para áreas maiores, como paredes, móveis e até o teto. Se deseja incluir tons mais fortes, dê preferências para pequenos pontos de cor, como uma luminária, pequenos quadros ou o lustre.

Os itens decorativos

Quando falamos em decoração, uma das primeiras coisas que nos vêm à cabeça são os itens decorativos, muito mais do que uma reforma. Contudo, para se inspirar na decoração minimalista não pense em um ambiente cheio desses acessórios. Como dito, o minimalismo preza pelo menos, portanto escolha poucos objetos tendo em mente que o objetivo é valorizar o cômodo. Você pode, por exemplo, optar por um vaso de planta branco em algum canto. O contraste entre o verde da folha e o branco do recipiente agrega muito ao quarto.

Você também pode optar pelos quadros minimalistas. O mercado está atento à tendência do minimalismo, assim, é possível encontrar diversos modelos por um preço que cabe no seu bolso. Todos os quadros minimalistas possuem molduras simples e cores neutras. Você ainda pode brincar com a decoração, mesclando quadros de tamanhos diferentes. Mas lembre-se de não exagerar na quantidade.

Invista em luminárias

A iluminação é muito importante para a composição de qualquer ambiente. Assim, além dos quadros e dos vasos de planta, as luminárias são ótimas aquisições para a sua decoração minimalista. Opte pelos designs mais arrojados e modernos, com linhas retas e delicadas.

Os materiais

Você pode pensar que para uma decoração minimalista e moderna é preciso utilizar sempre materiais metálicos. Contudo, esse modelo cai muito bem com peças de madeira. Esse material dá uma sensação de conforto ao ambiente sendo ótimas aliadas do minimalismo. Você pode implementar revestimentos de madeiras, além de mantas e almofadas para tornar o cômodo mais aconchegante.

Decoração minimalista: fuja dos excessos

Durante o artigo reforçamos sempre a ideia de que o minimalismo prega que “o menos é mais”. Esse estilo decorativo evita os excessos e busca facilitar o dia a dia garantindo que apenas o essencial faça parte da sua rotina.

Cores sóbrias e poucos móveis marcam a decoração minimalista. Contudo, ao contrário do que alguns acreditam, os ambientes de uma casa não precisam ser frios por isso. Com a ajuda de um profissional é possível escolher revestimentos, móveis e objetos decorativos que tornam o lugar mais acolhedor. Esse é um estilo que promete transformar a sua casa. 

encontre-seu-apartamento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.